Como encontrar falhas no metal

Como encontrar falhas no metal: conheça os métodos

As falhas no metal são bem comuns. Principalmente quando submetido à carga cíclica, sobrecarga, etc. A observação inicial, dados pré-existentes do material, estudos laboratoriais e síntese de falha fazem parte de uma análise metódica de falhas. Continue lendo para conhecer os métodos de como encontrar falhas no metal.

A fadiga pode ser definida como um dano progressivo localizado devido ao estresse flutuante e as tensões nos materiais. A falha do metal ou seus componentes ocorre por razões como irregularidades no carregamento, defeitos no material, inadequações no projeto, deficiências na manutenção, deficiências na construção e devido a condições ambientais.

É muito importante saber como encontrar falhas do metal para poder identificar o seu motivo. Ao fazer isso, é possível tomar as medidas corretivas necessárias no projeto, manutenção e operação para evitar que uma nova falha aconteça.

A maioria das falhas dos componentes metálicos são devidas à fadiga que é o resultado do carregamento cíclico.

As etapas envolvidas na investigação de uma falha são as seguintes:

Como encontrar falhas no metal: Observação inicial

Parece óbvio, mas vale ressaltar que a observação inicial da falha inclui fazer um estudo visual detalhado e análise do componente real ou partes que falharam durante a operação.

Deve-se reunir e registrar todos os detalhes da falha por fotografias para que possa ser usado para análise das partes com falha no futuro. A análise deve ser feita nas marcas de deformação, aparência de fratura, deterioração, etc.

Dados pré-existentes

Recolher todos os dados relacionados com especificações e desenhos, projeto do componente, fabricação do componente, qualquer reparo feito antes da falha, qualquer trabalho importante realizado antes da falha e o período de serviço do componente, bem como quaisquer problemas percebidos durante a operação desse componente ou máquina em particular.

Quando todos esses dados são coletados com precisão, é possível analisar o motivo das falhas no metal.

Como encontrar falhas no metal: Estudos de laboratório

Estudos de laboratório são uma outra excelente maneira para saber como encontrar falhas no metal. O procedimento inclui verificar se a composição química do material que falhou está dentro dos limites especificados.

Os estudos também incluem a verificação das dimensões e propriedades físicas do componente falhado.

Testes complementares devem ser feitos, se necessário, para confirmar as propriedades do componente ou das peças.

Por exemplo, realizando o teste de dureza para determinar a dureza do material. Determinando a microestrutura do material para verificar o tratamento térmico, verificando a ductilidade do material pelo teste de curvatura livre.

Realizando testes não destrutivos para verificar defeitos ou rachaduras no componente, e também verificar a composição dos produtos de corrosão no metal, etc.

Síntese da Falha

Antes de concluir a investigação, deve-se estudar todos os fatos e evidências da falha, positivo e negativo, para fornecer as respostas às questões típicas apresentadas abaixo:

  • A peça foi instalada corretamente?

  • A parte foi mantida corretamente?

  • Quanto tempo a peça está sendo usada no serviço?

  • Foi submetida a abuso de serviço?

  • Houve alguma alteração no ambiente antes da falha?

  • A peça foi mantida adequadamente durante a operação?

  • A falha ocorreu devido a ductilidade, fragilidade ou uma combinação de ambos?

  • A rachadura começou recentemente ou aumentou durante muito tempo?

  • A falha começou em um ponto, ou se originou em vários pontos?

Todas estas questões combinadas com a análise teórica são uma maneira eficaz para saber como encontrar falhas no metal.

Para você que precisa de isolantes elétricos para a sua indústria, entre em contato com a Geartech BR. Nós trabalhamos apenas com materiais de primeira qualidade que irão ser muito úteis para o seu empreendimento!

Compartilhe

WhatsApp chat